sábado, maio 18, 2024
HomeSegmentoIndústriaHermínio Ficagna deixa a direção da Cooperativa Vinícola Aurora

Hermínio Ficagna deixa a direção da Cooperativa Vinícola Aurora

Decisão atende motivação estritamente pessoal do executivo, que já planejava sua aposentadoria para o fim de 2022. Ficagna esteve na cooperativa por mais de 35 anos e exercia o cargo de diretor superintendente há quase uma década

O executivo Hermínio Ficagna está se desligando da Cooperativa Vinícola Aurora após 35 anos, sendo nove deles no cargo de diretor superintendente. O pedido de desligamento foi uma solicitação do próprio profissional à direção do Conselho de Administração da Aurora por razões pessoais. Ficagna já planejava seu desligamento para o fim de 2022 e a decisão foi comunicada aos dirigentes e executivos da cooperativa nesta terça-feira, 18. Ele ainda participará de um período transição de gestão por cerca de 30 dias.

“Saio com o sentimento de missão cumprida. Foram 35 anos de intenso trabalho pela Aurora e tenho muito orgulho dessa trajetória. Agradeço a todos os que fizeram parte dela, dirigentes, associados e colaboradores. Tenho certeza que a Aurora hoje é uma empresa absolutamente estruturada para um crescimento permanente e sustentável”, afirmou Hermínio Ficagna, natural de Bento Gonçalves e que até os 18 anos trabalhou na agricultura familiar.

Antes de assumir a direção da Aurora, Ficagna comandou por muitos anos a área jurídica da cooperativa, com destacada atuação na reestruturação e assessoramento do quadro social, integrado por 1.140 famílias de 11 municípios da Serra Gaúcha.

Na década de 1990, foi um dos principais dirigentes que trabalharam na recuperação administrativa e financeira da cooperativa, que superou um endividamento de R$ 120 milhões, em 1995, para alcançar um faturamento de mais de R$ 750 milhões em 2022, consolidando a Aurora como maior vinícola do Brasil, líder nacional de mercado nas categorias de vinhos finos, sucos de uva integral e coolers.

“A história do Hermínio Ficagna se confunde com a da própria Aurora. Sua dedicação ao quadro social e ao desenvolvimento da cooperativa é motivo de admiração de todos os associados. Nesse momento compreendemos as suas razões e agradecemos pelo legado que ele nos deixa na gestão da vinícola”, destaca o presidente da Cooperativa Vinícola Aurora, Renê Tonello.

O Conselho de Administração definiu que, neste momento, o gerente de Marketing, Rodrigo Arpini Valerio, assumirá a área comercial, o gerente Industrial, Roberto Lazzarini, responderá pela área de produção, e o gerente Financeiro, Rui Ficagna, permanecerá nas áreas financeira e de controladoria.

RELATED ARTICLES
- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments