domingo, abril 21, 2024
HomeSegmentoNegóciosRandon Ventures passa a apoiar startups com aceleração e a olhar para...

Randon Ventures passa a apoiar startups com aceleração e a olhar para novos negócios

Ampliação do escopo de atuação se soma às estratégias e investimentos já realizados em Corporate Venture Capital (CVC), de cerca de R$ 25 milhões

A Randon Ventures (RV), iniciativa da Randoncorp criada há quatro anos com a finalidade de aportar recursos em startups em fases mais avançadas do negócio, passa a atuar em aceleração de empresas em formação e estruturação, potencializando seus processos de crescimento. O novo posicionamento se agrega ao programa já consolidado de Corporate Venture Capital (CVC). Também neste ano, a Randon Ventures começa a olhar para projetos inovadores e que possam agregar outros negócios à companhia, inserindo-a no segmento de Corporate Venture Building (CVB).

As inscrições de interessadas em contar com a aceleração da RV podem ser feitas no site https://randon.ventures/programas/darwin ou diretamente no espaço da Randoncorp no South Summit Brazil, evento mundial de inovação realizado em Porto Alegre (RS) até 22 de março. Entre as formas de apoio que a RV propõe para o segmento de startups está conectá-las com o ecossistema Randoncorp, ampliando assim as chances de sucesso. O projeto inclui, ainda, a possibilidade de aproximá-las da Rands – plataforma de soluções completas para o transporte e logística e vertical de Serviços Financeiros e Digitais da Randoncorp.

“Contamos, ainda, nessa captação de startups e condução do programa de aceleração com a parceria com a Darwin Startups, uma referência nacional no olhar e no monitoramento deste segmento. Além de receber inscrições, também estamos abertos a indicações de projetos com potenciais de se tornarem novos negócios para a Companhia”, ressalta Mateus de Abreu, diretor de Negócios e Estratégias Digitais da Randoncorp e diretor da Randon Ventures.

Entre os segmentos com maior potencial de receber a mentoria da Randon Ventures e, conforme amadurecimento e potencial de mercado receber investimentos, estão, por exemplo, Logtechs, Fintechs e Autotechs.  Outros modelos como de Insurtechs, Indtechs e Deeptechs também estão contempladas na tese da RV, além de iniciativas que estimulem novos projetos e soluções em visão computacional, IoT, Inteligência Artificial, blockchain e sustentabilidade. A companhia já aportou cerca de R$ 25 milhões em sete startups e em 2 fundos que são referência no ecossistema.

RELATED ARTICLES
- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments